PROJETO ANTI-BULLYING TO THIS DAY

Uma gigantesca parcela dos nerds sabe o que é bullying. Uma gigantesca parcela sofreu nas épocas de escolas a exclusão o que é que ser alvo de outrem, de forma física ou verbal. Muitos não conseguem superar o trauma físico ou psicológico, ou ainda podem sofrer deste tipo de exclusão mesmo após adultos.

A revolta com esta prática que ainda acontece nos dias de hoje (seja o alvo o Zangief Kid ou uma senhora monitora de ônibus) está mais viva do que nunca no poeta Shane Koyczan. Ele criou o projeto To This Day, e quer conscientizar o mundo como o bullying é algo baixo, e como ele afeta a vida inteira de pessoas que nunca fizeram nada para merecer isso. O objetivo? Espalhar a mensagem. Mostrar que eles, aqueles que mexiam ou mexem com você, estão errados.

Para estrear de forma belíssima e incrivelmente pesada, Shane transformou seu poema To This Day em um vídeo. Ele convocou animadores dos mais variados estilos para animarem segmentos de 20 segundos. O vídeo aborda a história de três pessoas diferentes, que foram alvos de formas diferentes de outras pessoas, sejam por besteiras faladas quando criança (sua própria experiência pessoal), seja por não se encaixar no padrão de beleza dos outros (por causa de um sinal), seja por uma criança pequena entrar em depressão pela falta dos pais.

A leitura da poesia em combinação com a animação torna-se cada vez mais exasperada e pesada. Tudo reflete a revolta com o bullying, que acontece ainda hoje em escolas, no ambiente no trabalho, ou mesmo no próprio dia a dia.
(fonte: Jovemnerd.com)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: