FEIRA EM MIAMI – GABRIEL ANTONIO DA CRUZ

MIAMI – O clima é de celebração. Em sua sétima edição, a Design Miami firma sua posição estratégica no cenário global: para o público e para a mídia especializada trata-se de ponto de parada obrigatório para tomar contato com a produção de ponta de todo o mundo. Para colecionadores e amantes do design, o evento é uma rara oportunidade de conferir, em um único pavilhão, grandes momentos da criação internacional de todo o século 20 até os dias de hoje.

O artista inglês Charles Landseer (1799-1879) era bem jovem e “inexperiente”, como diz o historiador Leslie Bethell, quando veio ao Brasil no século 19 em missão diplomática britânica chefiada por Charles Stuart. “Mas era muito bem formado e por isso fez muitos desenhos e aquarelas em poucos meses”, continua Bethell, que assina a curadoria de mostra com 121 obras de Landseer realizadas entre 1825 e 1826 durante a experiência do artista viajante – mas a missão de Stuart, que partiu de Portugal, estava, na verdade, mais centrada em estreitar relações britânicas com o Brasil, reconhecendo a independência do país, em 1822.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: